COPEB

Ajudando você a voar com as águias!

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Início Boletim Eletrônico Boletim Eletrônico - Set/2013

Boletim Eletrônico - Set/2013

E-mail Imprimir PDF
Avaliação do Usuário: / 1
PiorMelhor 


O PREGADOR
Boletim Eletrônico Trimestral
Conselho Oficial dos Pregadores
Evangélicos do Brasil

NOVAS AFILIAÇÕES E RENOVAÇÕES

A Deus toda a glória!


Bergiliano Antonio Pinel
Rita de Cassia da Silva Pinel
Mario da Cruz
Arnon Tenório Cartaxo
Sebastião Cupertino Carvalho

Vanda Sandra Coutinho Leal
Sidney Balut
Maria Aparecida Santos Gonçalves
Maria Helena de Matos
Nemézio Mendonça da Silva

Veja no site a relação completa dos afiliados ativos, e convide-os para pregar em sua igreja


DELEGADOS COPEB

Antonio Carlos Lazarini - Pastor - Ubatuba (SP)
Francisca Pereira da Mota - Luanda - Angola
Francisco Tadeu Martins - São Paulo (SP)
Gerson Ramos - Pastor, Conferencista - Ilhéus (BA)
José Creso - Missionário, Investigador - Goiânia (GO) 
Isacir Mognon - Pregador, publicitário - Curitiba (PR)
Orlando Prado Escolástico - Pastor, Assessor Político - Curitiba (PR)
Sidney Balut - Radialista, Teólogo - Divino (MG)
Ubirajara Ribeiro Amaral - Pastor, Radialista - Fortaleza (CE)
Walmick Duarte de Melo - Pastor, Advogado - Belém (PA)
Yara Escolástico - Missionária, Assessora Política - Curitiba (PR)

Se você também quer ser um Delegado Copeb, entre em contato com o nosso  Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo. .


Palavra do Presidente
:
POR QUE DEUS PROIBIU IMAGENS E DEPOIS MANDOU FAZER QUERUBINS?
Deus disse: “Não farás para ti imagem de escultura, nem semelhança alguma do que há em cima nos céus, nem embaixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não as adorarás, nem lhes darás culto; porque eu sou o SENHOR, teu Deus, Deus zeloso” (Êxodo 20:4-5). Mas depois ele disse: “Farás dois querubins de ouro, de ouro batido os farás, nas duas extremidades do propiciatório” (Êxodo 25:18). Ele se contradisse?

Embora estas instruções específicas façam parte da lei dada aos israelitas, Deus também condena a adoração de imagens por qualquer pessoa ou povo, judeu ou gentio. No Antigo Testamento, ele castigou várias nações por suas práticas de adorar imagens e criaturas, ao invés de servirem o único Criador. Jeremias comunicou a sentença de Deus contra a Babilônia: “Portanto, eis que vêm dias, em que castigarei as imagens de escultura da Babilônia, toda a sua terra será envergonhada, e todos os seus cairão traspassados no meio dela” (Jeremias 51:47; cf. Isaías 21:9). O Egito, também, foi condenado por sua idolatria: “Assim diz o SENHOR Deus: Também destruirei os ídolos e darei cabo das imagens em Mênfis.... Assim, executarei juízo no Egito, e saberão que eu sou o SENHOR” (Ezequiel 30:13,19).

Mas os querubins, feitos por ordem de Deus, não foram objetos de adoração. Representavam criaturas que servem a Deus, sempre próximos ao trono do Senhor. O propiciatório, que ficava em cima da arca da aliança, representava o trono de Deus. Os querubins serviam para lembrar o sumo sacerdote, quando entrava no Santo dos Santos, que esta sala do tabernáculo representava a presença de Deus. Mas jamais adoraria os próprios querubins.

Desta maneira, podemos fazer uma distinção importante hoje. Um desenho ou imagem de uma pessoa, até talvez a representação de um apóstolo, profeta ou outra personagem bíblica, pode servir para nos lembrar da mensagem da Bíblia e do procedimento daquele servo, e assim reforça a santidade de Deus. Este uso de representações gráficas não fere os princípios bíblicos. Por outro lado, a veneração de imagens, usando estas representações como objetos de culto ou de honra espiritual, é desobediência aos princípios revelados pelo Senhor. Deus nunca autorizou a veneração de santos, apóstolos, anjos ou imagens representando quaisquer criaturas celestiais ou terrestres.

No Novo Testamento, Paulo disse: “Portanto, meus amados, fugi da idolatria” (1 Coríntios 10:14).

– por Dennis Allan



CAPACITAÇÃO Para não ter "de que se envergonhar" (II Tm 2.15).

Inscreva-se nos nossos cursos:
- Crescimento de Igreja à Distância
- Capelania Hospitalar
- Capelania Prisional.



NOTÍCIAS COPEB
# Em breve estaremos abrindo novas vagas para Delegado. Já temos cerca de 30 irmãos desejosos de serem nomeados.

# Conforme anunciado no boletim passado, fechamos parceria com uma Faculdade de Teologia à distância, para oferecer aos nossos afiliados, com descontos especiais.
   Entre em contato com o nosso  Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.  e peça informações.




BOCA-DE-URNA - Manifestações populares:

Manifestações populares:
05,6% - Fui às ruas
46.5% - Sou contra
47.9% - Queria ir, mas não pude

(Veja aqui as demais pesquisas):



ESBOÇO DE SERMÃO
OS PRIVILÉGIOS ADVINDOS DA JUSTIFICAÇÃO
Rm 5.1-4

Propósito Geral: Doutrinário
Tema Específico: A justificação nos traz privilégios extraordinários.

IDEIA CENTRAL
A JUSTIFICAÇÃO TRAZ CONSIGO PRIVILÉGIOS EXTRAORDINÁRIOS.

Primeiro privilégio apontado em Rm 5.1-4:  PAZ PARA COM DEUS (vs. 1).

Segundo privilégio apontado em Rm 5.1-4: A MEDIAÇÃO DE JESUS CRISTO (vs. 1)

Terceiro privilégio apontado em Rm 5.1-4: ACESSO À GRAÇA DE DEUS (vs. 2).

Leia o esboço completo (só para afiliados).




ARTIGOS SOBRE PREGAÇÃO - (lista completa)
Crescei na graça e no crescimento intelectual




ILUSTRAÇÕES PARA SERMÃO  (centenas de belas histórias devidamente catalogadas)
(a maioria são de acesso exclusivo aos afiliados)




ARTIGOS ECLESIÁSTICOS  (ver lista completa)
Crescei na graça e no crescimento intelectual.




ARTIGOS GERAIS  (lista completa)
São assuntos que, de um jeito ou de outro, podem interessar aos pregadores ou ajudá-los a se manter informados. 




FRASES PARA SUA REFLEXÃO




EVENTOS COPEB - Agende um na sua igreja ou região.


Última atualização ( Qua, 05 de Março de 2014 20:02 )